Antigo vidro feito com urânio atrai o interesse de colecionadores; veja fotos | Ciência e Saúde

0
2010


O vidro de urânio ocupa um nicho pouco conhecido no mundo dos colecionáveis. Os aficionados por objetos feitos com esse material apreciam sua cor suave e seu brilho diferenciado, que vem do urânio adicionado quando o vidro foi criado.

As peças aqui mostradas provêm da coleção de Peter Marti e Markus Berner, que comercializam vidro antigo em uma pequena loja no andar de baixo de seu apartamento em Wangen an der Aare, uma cidade na Suíça. Eles descobriram o vidro de urânio cerca de 15 anos atrás em um mercado de pulgas suíço e vem colecionando peças feitas com esse material desde então.

Como muitos colecionadores de vidro de urânio, eles são especialmente atraídos pelo tipo conhecido como “pearline”, que foi criado por várias empresas, principalmente no Reino Unido, do final do século 19 ao século 20.

A “pearline” amarela é chamada vaselina, porque a sombra é semelhante à cor do produto derivado de petróleo — até que seja exposta à luz ultravioleta, quando brilha num tom de verde claro.

O vidro de urânio é ligeiramente radioativo, o suficiente para se detectar em contadores Geiger. Mas os níveis são quase iguais aos de aparelhos elétricos, como os fornos de microondas, que não representam nenhuma ameaça para a saúde.



DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here